quinta-feira, 30 de maio de 2013

Secretaria de Saúde Informa

FACEBOOK

Prefeito diz ter plena confiança no Secretário de Saúde durante inaugurações












O Secretário de Saúde Juscelino Carvalho em companhia do Prefeito e vice, bem como Vereadores e demais Secretários de Governo participaram na tarde de ontem (29/05/2013) da inauguração do PSF da Vila França e logo em seguida da reinauguração do Centro de Referência Especializado em Saúde (CRES) localizado ao lado do Hospital Municipal.

Durante a inauguração do PSF da Vila França o Vereador Andrey na qualidade de Presidente da Comissão de Saúde disse que respeito e admiração não se impõem, se conquistam e o Secretário de Saúde conquistou não só o respeito e admiração como também a confiança do Edil e que na Câmara de Vereadores o Secretário terá voz e representatividade para rebater todas as criticas injustas proferidas.

O Vereador Chagas foi o representante do Legislativo durante a inauguração do CRES E arrancou risos de todos que ali estavam quando pronunciou o nome de Vildemar Rosa Fernandes como sendo o Prefeito Municipal, ao invés de dizer Francisco das Chagas Sá. O Vereador disse ter certeza que Juscelino Carvalho é um homem honesto e competente e saberá conduzir bem os rumos da Saúde Publica de São Miguel do Guama.


O Prefeito Francisco das Chagas Sá fez uma breve explanação sobre a situação caótica da Saúde Publica no Pais, em seguida relatou que tem plena confiança em seu Secretário de Saúde e que as transformações irão aparecer em breve. 

Brasileiro trabalha até hoje só para pagar impostos

O contribuinte brasileiro trabalha até hoje (30) só para pagar impostos. Segundo cálculos do IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário), o brasileiro médio pagará de impostos neste ano o equivalente ao que ganhou durante 150 dias de trabalho (de 1º de janeiro até hoje, 30 de maio).
A conta inclui todos os tributos –impostos, taxas e contribuições cobrados pelo governo federal, Estados e municípios. São itens como Imposto de Renda, IPTU, IPVA, PIS, Cofins, ICMS, IPI, ISS, contribuições previdenciárias, sindicais, taxas de limpeza pública, coleta de lixo, iluminação pública e emissão de documentos.
Os 150 dias trabalhados pelo brasileiro só para pagar impostos ultrapassam países como México (91 dias), Chile (92 dias), Argentina (97 dias), Estados Unidos (102 dias), Espanha (137 dias) e França (149 dias). No estudo do IBPT, a quantidade de dias do Brasil só menor que a da Suécia (185).

Média de dias trabalhados para arcar com tributos vem subindo

O total de dias é bem superior ao das décadas anteriores. Na década de 70, por exemplo, em média, foram necessários 76 dias trabalhados por ano somente para pagar tributos, ou dois meses e 16 dias. Na década de 80, a média subiu para 77 dias (dois meses e 17 dias) e, na década de 90, para 102 dias (três meses e 12 dias).
Parte da tributação no Brasil incide sobre os rendimentos. É o caso, por exemplo, do Imposto de Renda. O cidadão também paga imposto sobre o consumo, que já vem embutido no preço dos produtos e serviços, como PIS, Cofins, ICMS, IPI e ISS. Paga, ainda, imposto sobre o patrimônio, como o IPTU e o IPVA.
De todo o rendimento bruto, o contribuinte brasileiro terá de destinar 41,10%, em 2013, para arcar com essa tributação. Em 2003, a média foi de 36,98% do rendimento, contra 37,81% em 2004; 38,35% em 2005; 39,72% em 2006; 40,01% em 2007; 40,51% em 2008; 40,15% em 2009; 40,54% em 2010; 40,82% em 2011; e 40,98% em 2012.

terça-feira, 28 de maio de 2013

TRE do Pará cassa mandato de Cláudio Puty

O Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) cassou nesta terça-feira o mandato do deputado Cláudio Puty (PT-PA). Ele enfrentou uma ação compra de votos, abuso de poder econômico e conduta vedada a agente público durante a eleição de 2010. Com a decisão por quatro votos a um, ele fica inelegível pela Lei da Ficha Limpa. No entanto, ele continua no mandato até acabar a possibilidade de recurso.
De acordo com a Procuradoria da República no Pará, corriam contra o petista três ações do Ministério Público Eleitoral (MPE). Elas se basearam em investigações da Polícia Federal sobre um esquema de corrupção que se instalou na Secretaria de Meio Ambiente do Pará, desarticulado durante a operação Alvorecer, em dezembro de 2010. O MPE informou que conversas telefônicas mostravam investigados trocando a liberação de planos de manejo por votos.
Na época das investigações, Puty era secretário de Meio Ambiente do governo de Ana Júlia Carepa (PT). Na mesma ação, foram condenados José Cláudio Moreira Cunha, que era secretário adjunto de meio ambiente e Aníbal Picanço, Secretário de Meio Ambiente. Como não são detentores de mandatos eletivos, ambos foram multados. Outros dois deputados estaduais ainda têm processos no TRE do Pará resultantes da investigação da PF.
Em nota publicada no seu site oficial, Puty disse que vai recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ele disse respeitar a decisão da Justiça. No entanto, discorda “por ter sido tomada em franca contradição com as provas colhidas no processo”. “A decisão foi baseada em um inquérito policial de 2010, no qual não fui indiciado pela Polícia Federal e não respondo a qualquer ação penal dele oriundo”, afirmou.

Estados e municípios têm chance de parcelar dívidas

Estados, Distrito Federal e municípios ganharam um novo fôlego de caixa e poderão parcelar suas dívidas previdenciárias e de Pasep com a União. O benefício foi aprovado pelo Congresso Nacional e regulamentado ontem, por portarias conjuntas da Receita Federal e da Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN). Os pedidos de parcelamento, com redução de juros e multas, poderão ser apresentados ao governo até o final de agosto. No caso das dívidas previdenciárias, os entes federativos poderão incluir no parcelamento débitos de até fevereiro de 2013.

O pagamento será em 240 meses ou de no máximo 1% da média mensal da receita corrente líquida, o que resultar em um valor menor de prestação. Haverá uma redução de 100% das multas, 50% dos juros e de 100% dos encargos legais. No caso do Pasep, poderão ser incluídas no parcelamento as dívidas que tenham ocorrido até 28 de fevereiro de 2013, com pagamento em 240 meses e os mesmos porcentuais de redução de juros, multas e encargos legais.

A chefe substituta da divisão de administração de parcelamentos da Receita Federal, Walkíria Faleiro Coutinho, disse que o estoque das dívidas, incluindo a correção com juros e multas, é de R$ 15 bilhões para a Previdência e de R$ 7,2 bilhões para o Pasep. Ela, no entanto, afirmou não ter a estimativa de renúncia fiscal.

No ano passado, a Receita já havia concedido a possibilidade de parcelamento desses dois tipos de débitos, por meio das Medidas Provisórias 574 e 589. A primeira, que tratava do parcelamento do Pasep, perdeu a validade sem ser votada pelo Congresso e o incentivo foi incluído na MP 589. No entanto, os benefícios foram ampliados pelos parlamentares durante a votação da medida provisória, que foi convertida na Lei 12.810, de 15 de maio de 2013. As portarias, publicadas no Diário Oficial da União, regulamentam a lei.

Walkíria disse que os entes da federação que pediram o parcelamento previdenciário de acordo com o prazo fixado na então MP 589 serão automaticamente transferidos para as condições mais favoráveis da lei. Segundo a Receita, cerca de 2,2 mil Estados e municípios pediram a renegociação da dívida dentro do prazo da MP. Os governadores e prefeitos que aderirem ao parcelamento de débito previdenciário terão os valores das parcelas abatidos dos repasses da União ao Fundo de Participação dos Estados (FPE) e ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Para o parcelamento do Pasep, o pagamento será feito inicialmente por meio de DARF até que a Receita consiga implementar o pagamento também por meio de retenção dos valores antes dos repasses ao FPE e ao FPM.

Os prefeitos já tiveram dois programas de parcelamento de dívidas previdenciárias, em 2005 e 2009, mas 30% dos municípios voltaram a ficar inadimplentes.


Direto do Facebook


domingo, 26 de maio de 2013

Dana White confirma trilogia

O presidente do UFC, Dana White, confirmou na entrevista coletiva após o UFC 160 queJunior Cigano terá nova chance de disputar o cinturão dos pesos-pesados contra Cain Velásquez. O brasileiro conquistou a chance após nocautear o veterano Mark Hunt com um inesperado chute rodado no coevento principal deste sábado, no MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas.


 Estou ansioso por essa trilogia. Junior destruiu na primeira luta. Cain destruiu na segunda luta. Mal posso esperar para ver a terceira - afirmou Dana.
Além do nocaute de Cigano sobre Hunt, Cain Velásquez também lutou e defendeu com propriedade seu cinturão contra o brasileiro Antônio Pezão, ao vencer por nocaute técnico no primeiro round.

Câmara volta a debater a criação de piso salarial


Em discussão há quase 20 anos no Congresso, a criação de um piso nacional para os médicos voltou ao debate na Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público com a análise do Projeto de Lei 2.750 de 2011, do deputado André Moura (PSC-SE). Pelo texto original, o valor mensal a ser pago aos médicos para uma jornada de 20 horas será R$ 9.000.
Segundo o texto, o valor deverá ser reajustado anualmente pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor - (INPC) e cabeá à União ajudar os estados e municípios. Para o autor da proposta, o piso ajudaria, principalmente, as pequenas cidades a ter mais médicos. “Entendemos que o piso salarial para os médicos é mais do que justo por ser uma carreira tão importante porque, principalmente, salva vidas. Já fui prefeito duas vezes e sei o quanto é difícil manter um médico no município pequeno”, disse Moura durante audiência pública na Comissão de Trabalho.
De acordo com André Moura, a União tem a responsabilidade de amparar os entes federados. “Sabemos que atualmente 80% dos municípios brasileiros vivem dos recursos do FPM [Fundo de Participação dos Municípios] e de ICMS.[Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços]. São poucos os que têm outras fontes de arrecadação. Nosso projeto prevê que compete à União prestar essa assistência financeira aos estados e aos municípios”, disse.
A proposta tramita em caráter conclusivo nas comissões de Trabalho, Finanças e Tributação e Constituição e Justiça.
(Agência Brasil)

sábado, 25 de maio de 2013

Justiça diploma os novos vereadores de Castanhal

Depois de mais de 140 dias fora da composição da Câmara Municipal de Castanhal, por força de decisão judicial, oito dos nove vereadores que tinham sido eleitos para a atual legislatura do Poder Legislativo castanhalense finalmente receberam, na tarde de ontem, das mãos da juíza eleitoral Heloísa Helena da Silva Gato, o diploma que lhes confere fazer parte daquele poder. Uma das que mais lutaram para ter sua vaga garantida Casa, a vereadora Vânia da Moradia, não compareceu à diplomação porque se sentiu mal uma hora antes de ir para o cartório eleitoral.

Foram diplomados os vereadores Chico Branco, Isabel Santos e Rosimar Possidônio (DEM), Vânia da Moradia (PTB) Frangozé (PTdoB), Dr. Soares e Miguel Oliveira (PMDB), Louro do Caiçara (PP) e Juarez Salviano (PR).

A solenidade, simples, sem discurso e em clima amigável, aconteceu na sala da 4ª Zona Eleitoral, na presença da juíza, do chefe do cartório, Wherler Felício de Lima e dos diplomados, que fizeram, apenas, uma breve comemoração nas dependências do cartório eleitoral. No final de dezembro passado, todos passaram pelo constrangimento de preparar festa, levar a família para receber o diploma, mas foram informados, pela própria juíza eleitoral que os diplomou ontem, que não seriam diplomados por decisão da Justiça Comum.

Logo em seguida à diplomação, Helena Gato oficiou, através do seu chefe de cartório, à presidente da Câmara Municipal de Castanhal, vereadora Regina Abreu, enviando-lhe cópia da ata da cerimônia de diplomação dos nove vereadores às vagas proporcionais, "a fim de que sejam adotadas as demais providências cabíveis". Ou seja, que fossem os diplomados empossados o mais breve possível. Antes, a magistrada manifestara seu desejo que a própria Regina Abreu estivesse no cartório para ser formalmente informada da diplomação. Mas como a vereadora não compareceu, coube ao vice-presidente da Câmara, vereador Nivan Noronha, receber o ofício. Ele informou depois que a cerimônia de posse vai acontecer na próxima segunda-feira, às 9h.

Pará tem pior média salarial do Norte

Os piores salários médios identificados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na Região Norte estão no Pará. Segundo dados das Estatísticas do Cadastro Central de Empresas (Cempre) 2011, divulgados ontem, a média dos paraenses recebem por mês 2,8 salários mínimos (R$ 1.526,00). Na comparação com as demais Unidades Federativas, é a 10ª média salarial mais baixa. Apesar do baixo rendimento, o valor é 10,8% superior, em termos reais, ao salário médio indicado no ano anterior.

Entre os Estados nortistas, o Amapá apresenta a melhor remuneração, com a média de 3,8 salários mínimos (R$ 2.071,00); seguido por Roraima, com 3,3 salários mínimos; Acre e Amazonas, ambos com 3,2 salários mínimos; e Rondônia e Tocantins, cada um, com média de 3,1 salários mínimos. A média de toda a região foi de 3,1 salários (R$ 1.614,00), superior aos resultados do Sul (3 salários mínimos) e do Nordeste (2,6). Os maiores rendimentos estão no Centro-Oeste e Sudeste, onde o pessoal assalariado recebe 3,9 e 3,6 salários mínimos, respectivamente.

No País, o salário médio mensal do brasileiro aumentou 2,4%, em termos reais, entre 2010 e 2011, ficando em R$ 1.792,61 (3,3 salários mínimos). O Distrito Federal lidera o rendimento individual do País, com 6,3 salários mínimos. Rio de Janeiro (3,9 salários mínimos), São Paulo e Amapá (3,8) fecham o topo do ranking entre os Estados. Já as menores participações ficaram no Ceará (2,3 salários mínimos), em Alagoas, na Paraíba e no Piauí (2,4 salários mínimos). O levantamento considerou o valor médio anual do salário mínimo de R$ 510, em 2010, e de R$ 545, em 2011.

CAPITAL

Entre as capitais, Belém aparece na 11ª posição com média de 3,7 salários mínimos por trabalhador, correspondente a R$ 2.016,50 - crescimento de 13% em relação ao rendimento de 2010. O indicativo é quase a metade da média de Brasília (6,3 salários mínimos), que ocupa a primeira colocação. Teresina e Fortaleza, são apontadas como as piores capitais em termos de salários, empatadas com a média de 2,8 salários mínimos por pessoa.

O SUCESSO CONTINUA, UFC É NO SABOR E ARTE COM SUPER TELÃO!


sexta-feira, 24 de maio de 2013

Estado terá ponto facultativo no dia 31

Em virtude do feriado de Corpus Christi, que transcorre na próxima quinta-feira (30), o governador Simão Jatene tornou facultativo o trabalho na sexta-feira (31), nos órgãos estaduais da administração direta e indireta.


O expediente facultado será compensado com o acréscimo de uma hora à jornada diária de trabalho, entre os dias 27 e 29 deste mês. Algumas áreas específicas, no entanto, não são abrangidas pelo decreto governamental.

Os órgãos da saúde, arrecadação e defesa social devem estabelecer escalas de serviço especiais para os servidores, a fim de que o atendimento à população não seja prejudicado. O decreto com a medida foi publicado nesta sexta-feira (24), no Diário Oficial do Estado.

(Agência Pará)

DELIVERY DO TRUTA INOVA MAIS UMA VEZ, AGORA ALÉM DA QUINTA EM DOBRO, LANÇA A SEXTA ESPECIAL!


Secretário deixará cargo após inaugurações de Postos de Saúde na próxima semana

São Miguel do Guama perdeu mais um Secretário honesto e competente, desta vez os interesses escusos defendidos por “raposas em pele de cordeiro” vitimaram um homem que não aceitava interferência em seu trabalho, tão pouco ajoelhava-se ante a sedução do poder ou perante aqueles ditos poderosos.
Na próxima sessão ordinária da Câmara irei pronunciar-me sobre os rumos da política local, bem como apontar quem são as pessoas que querem leiloar as Secretarias de Saúde e de Educação.
Desde já quero externar incondicional apoio ao Sr. Juscelino Carvalho e dizer que independente do cargo que ele ocupe, poderá sempre contar com o Vereador Andrey Monteiro.

Valeu Parceiro!!!

Salários de nível superior pode ser 219% maior


A diferença média de salário entre os brasileiros que têm diploma e os que não têm era de 219,4% em 2011, segundo dados do Cadastro Central de Empresas (Cempre), divulgados nesta sexta-feira (24) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE ).

A pesquisa reúne 5,1 milhões de empresas e organizações formais ativas, públicas e privadas, em todo o país.


Segundo a pesquisa, em 2011, 82,9% dos assalariados no país não possuíam curso superior, enquanto 17,1% tinham graduação. Trabalhadores com nível superior ganhavam, em média, R$ 4.135,06 por mês, enquanto que os demais tinham um salário médio de R$ 1.294,70.

De acordo com Denise Guichard, gerente de análise do Cempre, o elevado percentual de empregados sem nível superior se deve, principalmente, ao fato de os serviços terem ampliado sua participação na atividade econômica brasileira. Esse tipo de atividade, em geral, demanda profissionais menos qualificados.

"O comércio se manteve pelo segundo ano consecutivo como o segmento que mais gerou empregos formais no país. Esse tipo de atividade costuma contratar gente com menor nível escolaridade e por isso o percentual elevado nessa categoria", afirmou.

Na comparação entre homens e mulheres, o levantamento constatou que, entre 2010 e 2011, o aumento do número de mulheres ocupadas foi superior ao de homens: 5,7% e 4,7%, respectivamente. Mas os homens ainda são maioria entre os trabalhadores: 57,7%.

No quesito remuneração, os homens continuam ganhando mais, com salários 25,7%, em média, maiores que o das mulheres.




SALÁRIO

A pesquisa revelou também que o salário médio do brasileiro cresceu 8,7% em termos reais (acima da inflação) entre 2008 e 2011. No período foram gerados 6,8 milhões de novos vínculos empregatícios.

No ano de 2011, o comércio foi o setor que mais absorveu mão de obra. O segmento foi responsável pela ocupação de 8,5 milhões de pessoas, 18,9% do total de empregados. A indústria de transformação veio em segundo lugar, dando ocupação para 8,2 milhões (18,2%), seguida pela administração pública, com 7,7 milhões (17%).

No mesmo ano, os salário mais altos foram registrados no setor de eletricidade de gás, com média mensal de R$ 5.567,73, seguido pelo setor financeiro, de seguros e serviços relacionados, com média de R$ 4.213,65 por mês.

Já as piores remunerações foram registradas no setor de alojamento e alimentação (R$ 858,92, em média por mês), seguido pelo de atividades administrativas (R$ 1.110,16, em média).

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Polícia Civil estabelece as regras para a quadra junina deste ano

A Polícia Civil já preparou a portaria com as regras para os festejos durante a quadra junina deste ano. As informações foram publicadas na edição desta quarta-feira, 22, do Diário Oficial do Estado.   Pela portaria 132, de 2013, os eventos relativos ao período deverão ser realizados de 1º de junho a 1º de julho, em todo Estado. Outra determinação é que os promotores de festas deverão requerer licença do evento junto à Divisão de Polícia Administrativa (DPA) no prazo de até três dias úteis antes do dia da festa. A medida visa o registro e a vistoria obrigatória para concessão de licença do local do evento, que será vistoriado nas instalações elétricas, hidráulicas e hidrosanitárias; terá verificadas as condições de intensidade, disposição e propagação do som, além das condições de segurança, como existência de saídas de emergência. O responsável pelo local do evento – casa noturna, boate ou similar - deverá requerer, antes da vistoria, o documento de Licenciamento Especial de Fonte Sonora emitido pela Secretaria Municipal de Meio-Ambiente. Nesses locais e no entorno deles, a venda de bebida alcoólicas em vasilhames de vidro está proibida.

Já os eventos de caráter folclórico, cultural e familiares não poderão ter fins lucrativos, por meio de venda de ingressos, bebidas ou de alimentos. Nesses eventos, somente será permitido o uso de equipamentos de som doméstico, como rádio e aparelho de som. Estão proibidas as chamadas aparelhagens sonoras de qualquer tamanho. Em cada município, os estabelecimentos comerciais deverão seguir os horários de funcionamento definidos na lei municipal. Eventos que forem realizados em instituição de ensino terão licença da DPA após a autorização da direção da unidade escolar e apresentação de licença de fonte sonora expedida pelo órgão municipal de meio-ambiente. Nesse caso, ficam proibidos tanto a venda quanto o fornecimento de bebidas alcoólicas. O equipamento de som deverá ser de uso doméstico.

O uso de fontes de propagação de som, como caixas acústicas, projetores ou carro de som, será proibido na área externa ao evento. Da mesma forma, serão proibidos eventos realizados a menos de 200 metros de locais como hospitais e postos de combustíveis. Já os eventos culturais, folclóricos e familiares só poderão ser realizados em locais públicos, como praças, vilas e alamedas, mediante a prévia autorização da DPA e dos órgãos públicos municipais de trânsito, cultura e meio-ambiente. Para tanto, deverá haver consentimento prévio dos moradores para que o evento seja realizado. Também são proibidos o uso de balões infláveis, a queima de bombas de alto poder explosivo e a montagem de fogueiras naturais a menos de 200 metros de locais como postos de combustíveis, depósitos ou lojas de materiais inflamáveis, hospitais, escolas, estacionamentos de veículos ou da rede de energia elétrica e telefônica.

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Secretário de Educação entrega o cargo



Agora é oficial, o Dr. Marcos Carvalho acaba de entregar o cargo de Secretário de Educação. Nos bastidores especula-se que a Professora Gorete Pinho teria sido indicada para substituí-lo.

Vereador lança desafio na Câmara de Vereadores


Logo após a Vereadora Arineide Feitosa terminar seu pronunciamento o Vereador Chagas ocupou a tribuna daquela Casa de Leis para desafiar o Chefe do Executivo a lhe mostrar qual obra já foi realizada no Município com recursos próprios, em meio a um fervoroso discurso Chagas por várias vezes reiterava o desafio, chegando inclusive a travar um pequeno debate com a Líder de Governo, tendo o Vereador dito o seguinte “SE VOSSA EXCELÊNCIA DIZ QUE TÁ TUDO BOM É POR QUE NÃO ANDA PELA CIDADE” disparou Chagas em direção a líder do Governo que retrucou.

Forrozão da Maria Beca


terça-feira, 21 de maio de 2013

Polícias Civil e Militar capturam 7 por tráfico em São Miguel do Guamá

As Polícias Civil e Militar capturaram, no último final de semana, sete pessoas acusadas de praticar tráfico de drogas, no município de São Miguel do Guamá, nordeste paraense. Os flagrantes ocorreram durante operações policiais deslanchadas na região para repressão ao crime. Os resultados foram divulgados nesta segunda-feira, 20. Entre os presos está José Leones de Ribeiro Pinto, conhecido por “Boca”, de 24 anos, preso após telefonema anônimo recebido pela Delegacia da Polícia Civil local. Segundo o delegado Ronaldo Lopes, a informação dava conta de que o acusado estava em um posto de combustível, no quilômetro 18, da rodovia BR-010 (Belém-Brasília), onde comercializava cocaína. Em veículo descaracterizado, sob o comando do delegado, a equipe de investigação formada pelos investigadores Océlio e Maurício junto com a guarnição comandada pelo cabo Gomes foi até o local para apurar a denúncia. Ali, no momento da abordagem, o acusado tentou fugir, mas foi capturado enquanto tentava se esconder debaixo das carretas estacionadas no posto.

Com ele, nove petecas de pasta de cocaína foram apreendidas. Outra informação dava conta de que ele estava armado, mas a arma não foi encontrada. "Acreditamos que o indiciado tenha, no momento da fuga, escondido a arma e mais drogas", afirmou o delegado. “Boca” já é condenado pela Comarca de São Miguel do Guamá pela prática de crime de roubo à pena de seis anos de reclusão, além de ter respondido enquanto adolescente pela prática de ato infracional de homicídio. "Ele permaneceu internado no EREC (antiga unidade de internação de adolescentes) por três anos", completou Ronaldo Lopes. A operação policial teve continuidade, no final de semana, para dar cumprimento a mandado de busca e apreensão domiciliar em que foram presos em flagrante Max Antônio Amorim de Souza, 30 anos; e a companheira dele, Rosilene Nunes de Almeida, de apelido “Boneca”, 30. O filho de Rosilene, de 15 anos de idade, foi apreendido. Com eles, foram encontradas 15 petecas de pasta de cocaína no interior da residência situada na Aloísio Pedro de Farias, bairro da Jaderlândia.

Já, em outra residência, na rua Januário, bairro da Jaderlândia, foi presa Maria Antônia Gama, 32e, conhecida por Antônia, com quem foram encontradas 14 petecas de cocaína. O companheiro dela, conhecido por "Juci", não foi encontrado. Em outra casa, na Rua Aloísio Pedro de Farias, também no bairro da Jaderlândia, foi apreendida uma grande quantidade de drogas com uma adolescente de 17 anos de idade. Ao todo, 142 petecas de pasta de cocaína. A adolescente é filha de Maria Antônia, presa por tráfico de drogas, durante a operação “Arcanjo”, em 29 de janeiro deste ano. Outro preso, no final de semana, acusado de tráfico de drogas, é Iander Thomaz Rodrigues Amaro Santino, de 22 anos, flagrado por policiais militares enquanto comercializava drogas tipo pasta de cocaína na Beira Rio, centro da cidade. Junto com o acusado, os policiais militares apresentaram 11 petecas de cocaína, que teriam sido encontradas com Iander.

Conforme o delegado, as investigações no município continuam por determinação do delegado-geral da Polícia Civil, Rilmar Firmino, com o objetivo de diminuir ainda mais a violência e criminalidade. O delegado Ronaldo Lopes, titular da Delegacia de São Miguel do Guamá, pede que a sociedade continue denunciando atividades criminosas, por meio do Disque-Denúncia, fone 181, ou ligando diretamente para a Delegacia, pelo fone (91) 3446-2880.

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Outra vez Prefeito ?

FACEBOOK

Médico de fora que atuar em área carente não fará prova



O Brasil não vai exigir exame nacional de revalidação do diploma de médicos trazidos da Espanha e de Portugal para trabalho temporário em áreas com déficit de profissionais da saúde no país.

Em contrapartida, esses estrangeiros só poderão atuar nas áreas determinadas pelo governo em periferias e no interior e por período que não deve passar de três anos.

Caso queiram trabalhar mais no Brasil, terão então de fazer o exame, seguindo um modelo já adotado por países como Canadá, Austrália, Reino Unido e a própria Espanha.

A proposta será apresentada hoje em Genebra pelo Ministério da Saúde à Espanha e a Portugal, durante encontro anual da OMS (Organização Mundial da Saúde).

Ela será o modelo de contratação de estrangeiros que o país vai adotar, disse à Folha o ministro da pasta, Alexandre Padilha.

"Nosso maior interesse é atrair médicos de Espanha e Portugal para atuar restritamente em regiões com carência de profissionais, por um período de dois, três anos, na área de atenção primária, em que a Espanha tem grande tradição. O Brasil precisa de mais médicos, mais próximos da população e com mais qualidade" disse o ministro.

Uma equipe de Padilha se reúne hoje com os ministros espanhol e português.
Consultado pela Folha, o governo espanhol já indicou ter muito interesse no convênio. O país tem 20 mil médicos desempregados.

O Brasil é o segundo foco (depois da Inglaterra) do Ministério da Saúde espanhol para exportar profissionais.

A pasta preparou um projeto para o governo brasileiro, que propõe agilizar a concessão de vistos e validar diplomas espanhóis.

Oferece como contrapartida facilidades e bolsas para estudantes brasileiros em universidades da Espanha.

Na semana passada, o secretário de Gestão no Trabalho e Educação do Ministério da Saúde, Mozart Sales, visitou faculdades de Medicina em Barcelona e em Sevilha.

Recém-formados dessas universidades também serão incorporados pelo governo brasileiro, segundo Padilha.

PARCERIA

"Eu, como ministro da Saúde, vendo de um lado a situação de médicos qualificados sem perspectiva de emprego na Espanha e em Portugal, e de outro, a necessidade de mais médicos para uma população [no Brasil] não vou ficar parado sem pensar em construir parcerias".

Desde o ano passado, o governo inglês faz recrutamentos periódicos de médicos e enfermeiros na Espanha para trabalhar em hospitais e centros de saúde do país.

A clínica geral Inma Fuentes queria trabalhar no Brasil, mas optou por um recrutamento em Londres. "O Brasil é uma ótima opção pelo tipo de atendimento que podemos fazer lá, mas eu desisti por causa da burocracia".


domingo, 19 de maio de 2013

Corinthians conquista Paulistão com empate


Como venceu o jogo de ida por 2 a 1, no Pacaembu, o Corinthians conquistou o título do Campeonato Paulista 2013, neste domingo, na Vila Belmiro, ao empatar por 1 a 1 com o Santos em um jogo bastante truncado e nervoso. Com isso, o time de Parque São Jorge elimina qualquer chance de crise mesmo com a eliminação na Copa Libertadores da América, e ainda frustra o tetracampeonato inédito de Neymar pela equipe santista.

Vitor Belfort nocauteia Luke Rockhold

O brasileiro Vitor Belfort ignorou todas as críticas que ouviu nos últimos meses, principalmente de seu adversário, e calou o americano Luke Rockhold com um nocaute espetacular neste sábado, no evento principal do UFC no Combate 2, em Jaraguá do Sul. O lutador carioca derrubou o último campeão peso-médio do Strikeforce com um incrível chute rodado de esquerda, que lembrou o melhor nocaute de 2012, um chute rodado de direita de Edson Barboza no UFC Rio 2.

Por meses, Belfort foi criticado por fazer uso da polêmica terapia de reposição de testosterona (TRT), o que fez Rockhold dizer que era "mais homem" que ele. O clima de tensão foi sentido por toda a semana que antecedeu o combate e ficou claro na última encarada antes da luta. Enquanto o árbitro Leon Roberts dava as últimas instruções, os dois lutadores mantiveram a distância e não quiseram tocar luvas.


Rockhold atacou primeiro, passando no vazio com um chute alto e se desequilibrando. Belfort, por sua vez, ficou na guarda com uma meia-lua. O brasileiro partiu para cima e machucou o americano com golpes em linha reta, usando a velha velocidade de suas mãos. O ex-campeão do Strikeforce aguentou bem, passou a conectar chutes e a provocar com as mãos. Belfort estudou, esperou o momento certo e acertou um espetacular chute rodado de esquerda no queixo. Rockhold despencou. Belfort não perdeu tempo e encerrou a luta com uma série de socos no chão. Foi seu segundo nocaute seguido com chute na cabeça - ele se tornou o primeiro atleta a conseguir o feito em lutas consecutivas no UFC.

- Galera, que energia! Estou agora mais forte do que era antes, estou muito feliz com essa oportunidade. Tenho um ótimo time no Blackzilians, quero agradecer a todos eles - disse o brasileiro, que não quis pedir uma luta por cinturão e ainda prometeu torcer pelo algoz Anderson Silva em mais uma defesa de cinturão em 6 de junho, no UFC 162, contra Chris Weidman.

- Eu não estou aqui para pedir lutas. Eu venço lutas. Estou feliz, vou torcer pelo Anderson Silva - afirmou, antes de mandar um último recado a Rockhold e seus detratores.

- Quando você duvida de mim, eu provo que você está errado.

sexta-feira, 17 de maio de 2013

Direto do Facebook

Parabéns Parrudo


Mulher é morta a facada pelo próprio namorado em Bonito



Um relacionamento conturbado, foi assim que a família descreveu o romance de Maria Ziolene das Mercês, de 42 anos, e José Roberto Silva Sousa, de 34 anos, que teve um final trágico na madruga desta sexta-feira (17/05) no Município de Bonito, nordeste do Pará.

Segundo informações o casal estava bebendo e se divertindo, mas uma discussão resultou em tragédia, o acusado Roberto namorava há 4 meses com a vítima e ao ouvir que seria traído por sua amada, efetuou várias facadas em Ziolene, que não resistiu e morreu no local, “Ela falou que eu merecia um chifre, por isso perdi a cabeça e matei ela”, disse Roberto ao ser interrogado na delegacia.

O Grupo Tático Operacional prestou total apoio na cena do crime e a Polícia Militar daquele município realizou um belo trabalho ao prender o acusado com rapidez, que se preparava pra fugir. Ziolene, conhecida por Pink era bastante querida na cidade e realizou um lindo trabalho como Assistente Social, a mesma foi casada com o Ex-Prefeito de Bonito, Sr. Birunga.

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Casório

Vereador Junior Lira defende nepotismo no SBT


O nepotismo pode ser definido como o favorecimento a aparentados de agentes públicos, consubstanciado na contratação de parentes sem o crivo do concurso público, assim, estabeleceu-se como prática a ser repudiada para fins de probidade e moralização na condução da coisa pública.
Nesse sentido o Supremo Tribunal Federal editou a Súmula Vinculante nº 13, estabelecendo que “viola a Constituição a nomeação para o exercício de cargo em comissão ou de confiança ou, ainda, de função gratificada na Administração Pública Direta ou Indireta, de cônjuge, companheiro ou parente em linha reta, colateral ou por afinidade, até o terceiro grau, inclusive, da autoridade nomeante ou de servidor público da mesma Pessoa Jurídica em cargo de Direção, chefia ou assessoramento”.
Ante ao exposto e levando em consideração a lista entregue pelo Sr. Adriano ao membro do Poder Legislativo, onde foi elencado o nome de diversas pessoas com grau de parentescos empregados na Administração Publica o Vereador Andrey Monteiro imediatamente apresentou denuncia formal na Câmara de Vereadores e no Ministério Público para as providências legais.
Sabendo que o assunto seria abordado na Câmara e que seria citado o nome do Vereador Junior Lira o qual teria parentes na Administração Publica Municipal, o edil usou de um artifício esdrúxulo e escondeu-se na cozinha daquela Casa de Leis no intuito de retornar furtivamente ao Plenário somente após o termino do discurso do Vereador Andrey Monteiro que acabara de formalizar a denúncia.
O Vereador que vangloriou-se de ter (03) três mandatos, acovardou-se e ao invés de apresentar uma defesa técnica sobre as denúncias ele partiu para o desespero, defendendo o Nepotismo e confessando que seu parente presta serviços para a Prefeitura através de um Escritório. Sabendo que não teria argumentos jurídicos o Vereador passou a proferir impropérios e chamou para “porrada” o Vereador Andrey Monteiro, culminando com o termino da Sessão.



RECOMENDAÇÃO EXPEDIDA PELO MP
 

RECOMENDAÇÃO Nº 014/2013/MP/1ºPJSMG

No dia 24 de janeiro do ano corrente a Excelentíssima Senhora Promotora de Justiça Drª Mariela Correa Hage expediu recomendação sobre o Nepotismo, onde o Presidente daquela Casa de Leis obrigou acertadamente todos os (15) quinze Vereadores a assinarem o respectivo documento que nas alinhas F e G asseveram o seguinte:
F) SE ABESTENHAM de contratar mediante dispensa ou inexigibilidade de licitação, pessoa jurídica cujos sócios ou empregados sejam cônjuges, companheiros ou que detenham relação de parentesco consangüíneo em linha reta ou colateral, ou por afinidade até o terceiro grau, inclusive, com qualquer dos Vereadores, com o Prefeito, bem como qualquer ocupante de cargos comissionados, de direção, chefia ou assessoramento, funções de confiança ou funções gratificadas, no âmbito dos Poderes Legislativo e Executivo Municipal;
G) SE ABESTENHAM de manter, aditar ou prorrogar contrato com empresa de prestação de serviços que venha a contratar empregados que sejam cônjuges, companheiros ou que detenham relação de parentesco consangüíneo, em linha reta ou colateral, ou por afinidade até o terceiro grau, inclusive com qualquer dos Vereadores, com o Prefeito, bem como com qualquer ocupante de cargos comissionados, de direção, chefia ou assessoramento, funções de confiança ou funções gratificadas, no âmbito dos Poderes Legislativo e Executivo Municipal, devendo tal vedação constar expressamente dos futuros Editais de Licitação.  
 Vejam que a denúncia protocolada pelo Vereador Andrey Monteiro é fundamentada na própria recomendação do Ministério Publico da qual todos os Vereadores foram cientificados, evidenciando que os argumentos usados pelo Vereador Junior Lira são totalmente desprovidos de embasamento jurídico, bem como contrariam a moralidade administrativa, conforme dispõe o artigo 37 da Constituição Federal.
Ante ao exposto, mais uma vez estamos mostrando a população que o nosso mandato servirá aos interesses da população e não a meia dúzia de gananciosos que fazem da política um trampolim para a riqueza em detrimento aos munícipes que sofrem ante ações nefastas que hoje infelizmente fora defendida pelo Vereador Junior Lira o qual disse ser a favor de ter (02) dois ou (03) três parentes na Administração Pública.  

Atenciosamente,
Andrey Cardoso Monteiro
Vereador /1º Secretário/PDT

terça-feira, 14 de maio de 2013

Vice Presidente apresenta defesa no Facebook

Polícias Civil e Militar prendem acusados de roubos em São Miguel do Guamá

As Polícias Civil e Militar em operação conjunta prenderam, no último final de semana, três pessoas envolvidas em práticas de roubo, em São Miguel do Guamá, nordeste paraense. Dois deles, Renato Jesse Nascimento Cantanheide, 26 anos, conhecido por “Jessé”, e Genilson Cordeiro Gomes, 21, conhecido por “Janilson”, foram presos após o roubo de um veículo. O outro preso, Willamy Reis dos Santos, é condenado pela Justiça por crime de roubo, mas estava foragido. Genilson e Renato cometeram o roubo em parceria com um terceiro comparsa, identificado apenas por André. Eles roubaram uma caminhonete Hilux e chegaram a manter o dono do veículo como refém.

A vítima foi libertada após perseguição policial, na rodovia BR-010 (Belém-Brasília), no sentido de São Miguel do Guamá para Santa Maria do Pará. Durante a perseguição, os assaltantes abandonaram o veículo às margens da rodovia, à altura do quilômetro 10. Os investigadores Océlio, Rosana e Vasconcelos juntamente com policiais militares conseguiram localizar dois dos três assaltantes escondidos dentro da mata.

FORAGIDO Outro criminoso envolvido em roubos foi preso por policiais militares na região. Trata-se de Willamy Reis dos Santos, de apelido “Enraba”, 23 anos. Ele é foragido do Sistema Penitenciário de Tomé-Açu, no Pará, desde o dia 5 de março de 2011. Ele cumpria pena de oito anos de reclusão pela prática de roubo. A prisão dele ocorreu em razão de denúncia feita ao fone 181, o Disque-Denúncia. Para o delegado Ronaldo Lopes, a sociedade deve continuar ligando para denunciar o paradeiro de foragidos e prestar quaisquer informações que levem à prisão do assaltante André que mora na cidade de Santa Maria do Pará.

Lista do Nepotismo será enviada ao MP

Oficio será lido no Plenário e posteriormente encaminhado ao Ministério Público

Ex Cacauista entrega lista do NEPOTISMO no atual Governo


O nepotismo é vedado na Administração Pública Direta e Indireta, bem como em qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, mesmo assim vem se tornando uma constante nos governos que se sucedem em São Miguel do Guama.
O atual Prefeito Francisco das Chagas Sá foi eleito pregando um discurso moralista e probo, segundo ele praticas nefastas como o Nepotismo jamais seriam aceitas em seu Governo, ocorre que, mais uma vez os guamaenses foram enganados, digo isto, fundamentado em uma lista que foi entregue hoje na Câmara contendo alguns nomes de parentes de Secretários e de Vereadores nomeados para cargos na Prefeitura. Vejamos:
1-    O Secretário de Administração segundo a lista possui (03) três parentes, sendo um irmão lotado na SEMED; a filha na Promoção Social e outro irmão nos Tributos;

2-    A Srª Lindalva que é assessora nível III e provável Secretária de Meio Ambiente tem o seu cunhado Pedro Galdino na Secretaria do Dr.Barata;

3-    O Secretário de Educação teria uma sobrinha e um sobrinho na SEMED;

4-    O Secretário de Agricultura seria parente do filho do Marcos do PT;

5-    O Dr. Barata teria o seu cunhado Oracir;

6-    O Assessor Ney Cunha foi contemplado com o emprego de sua esposa;

7-    Budega teria um irmão e uma irmã;

8-    O assessor Antônio Soares teria um irmão e uma irmã;

9-    Alex (nutricionista) teria empregado sua esposa;

10-     A diretora do Hospital teria a Irmã Antonia; Ronan (sobrinho) e Neneca (sobrinha)

Vejam que estes são apenas alguns casos que serão denunciados na Tribuna da Câmara amanhã pelo Vereador e editor deste blog, entretanto, algumas ponderações precisam ser feitas.
O Alex é nutricionista concursado, o caso dele merece ser analisado diferente, todavia, fomos informados que ele é detentor de cargo comissionado, o que pode ser um impedimento.

A lista contempla também os Vereadores Raimundo do Miteco que teria um parente de sua esposa e o Vereador Junior Lira, ambos já foram informados que amanhã protocolarei a denúncia no Ministério Público para as devidas providências.

VAI PRA CIMA CACAU !!!!!!!

Obs: O blog encontra-se disponível para eventual defesa dos envolvidos na lista apresentada hoje na Câmara Municipal de São Miguel do Guama, basta mandar um email para vereadorandreymonteiro@hotmail.com que publicaremos.

 

TRE determina diplomação imediata de 9 Vereadores eleitos em Castanhal

Na manhã desta terça-feira, dia 14/05/2013, o TRE do Pará, julgou procedente o Recurso contra expedição do Diploma (RCED 3777) interposto por 9 vereadores eleitos em Castanhal, porém impedidos de tomar posse por decisão da Justiça Comum, determinando a imediata diplomação e posse dos referidos vereadores.

O relator do caso, Juiz Federal Antônio Almeida Campelo, votou pela extinção do processo sem resolução do mérito por entender que a competência para discutir o número de vagas na Câmara de Vereadores não era da Justiça Eleitoral e sim da Justiça Comum. Abrindo a divergência, o Juiz Mancipor Lopes apresentou voto-vista onde defendeu que a discussão do caso não era sobre o número de vagas e sim sobre a necessidade de diplomação dos 9 vereadores eleitos, uma vez que todo o processo eleitoral de Castanhal seguiu a linha de 21 vagas à vereança em disputa e não somente 12.

Nesse ponto, o Juiz Mancipor Lopes esclareceu que as convenções partidárias, o registro de candidatura, o desenvolver do processo eleitoral em si, bem como a proclamação dos eleitos deu-se com base em 21 vereadores, sendo que, eventual discussão acerca do número de vagas travada na Justiça Comum somente poderia ser observada pela Justiça Eleitoral quando do trânsito em julgado, preservando, assim, a segurança jurídica, a soberania popular, a normalidade do pleito eleitoral e, acima de tudo, prestigiando a decisão, legítima e autônoma, do Poder Legislativo Municipal de Castanhal.

A divergência inaugurada pelo Juiz Mancipor Lopes foi acompanhada pela revisora do processo, Dra. Ezilda Pastana Mutran, assim como pelo Juiz João Batista dos Anjos e pela Juíza Eva do Amaral Coelho.

O TRE deliberou também pelo cumprimento imediato da decisão.

Banda larga no Brasil é a 2ª mais cara entre 15 países

O preço médio da banda larga no Brasil é um dos que mais pesam no bolso do consumidor, considerando a relação entre o valor cobrado por 1 Mbps (megabit por segundo) e a renda da população. É o que mostra um levantamento feito com 15 países.

O brasileiro precisa trabalhar 5,01 horas por mês para se conectar à rede de banda larga fixa de 1 Mbps. O país só perde para a Argentina, onde são necessárias 5,15 horas. O Japão aparece na última posição do ranking: naquele país, a população precisa trabalhar 0,015 hora para pagar pelo acesso.



O levantamento foi feito pelo economista e professor da FGV Samy Dana em parceria com o graduando em Economia pela UFV-MG (Universidade Federal de Viçosa) Victor Candido.

Os cálculos foram feitos com base nos dados do relatório The State of the Internet (da consultoria Akamai) e do Internet World Stats Broadband Penetration (do Internet World Stats). Para se chegar à renda média per capita de cada país, foram usados dados do Banco Mundial.

Segundo esses dados, o preço médio do acesso no Brasil a uma velocidade de 1 Mbps é de US$ 25,06, ou cerca de R$ 50,52 por mês segundo a cotação do último dia 10 de maio. Considerou-se uma renda média por hora, per capita, de US$ 5, ou R$ 10,08.

Para efeito de comparação, no Japão, o valor médio cobrado pelo acesso à internet é de US$ 0,27, ou R$ 0,55. Como a renda média per capita recebida por hora lá é mais alta (US$ 18, ou R$ 36,32), a quantidade de horas de trabalho necessárias para se fazer o acesso é bem menor.

Na pesquisa, foram selecionados países que lideram o acesso à internet no mundo, entre nações desenvolvidas e emergentes.

Muitos tributos e pouca concorrência

Para o economista Samy Dana, o alto preço cobrado no Brasil tem relação com a alta carga tributária: enquanto o país paga 40% de impostos sobre os serviços de banda larga, no Japão os tributos representam 5% do preço.

"De um lado, existe um governo que tributa muito. Por outro lado, o setor tem poucas empresas, o que faz com que a concorrência seja pequena para a dimensão que o país tem. Um setor de pouca competição e com regulação ineficiente deixa o consumidor refém do preço. O resultado é um serviço ruim e caro, que acaba sendo um entrave para o desenvolvimento do país", diz o economista.

Preço caiu 68% desde 2008

O diretor-executivo do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), Eduardo Levy, questiona a comparação com países como o Japão.
"O brasileiro também gasta mais tempo para comprar um automóvel ou um iPad do que um japonês. Mas pesquisas mostram que o preço da banda larga fixa caiu 68% desde 2008 no Brasil", afirma. "Se o serviço fosse tão caro, não haveria tanta gente usando."

Levy afirma que a cobrança de acesso a uma velocidade de 1 Mbps por US$ 25,06, ou pouco mais de R$ 50, não é realidade no país, sobretudo por causa das promoções feitas pelas empresas.

A associação cita dados da União Internacional de Telecomunicações (UIT), organismo da ONU, que mostram que o brasileiro gasta, em média, US$ 17,22 ao mês com banda larga, ou R$ 34,86. No Japão, segundo a UIT, o gasto médio mensal é de US$ 24,41, ou R$ 49,41. A pesquisa da UIT não fala em velocidade (considera apenas o valor mensal para fazer um download de 1 Gigabyte).
 
Blog do Andrey Monteiro - Template desenvolvido por Sonic Artes